Lista / Casamento / Acontece / Misticismo / Sobre a Ilha / Com a palavra
 Ilha do Governador
História
Geografia
Galeria
Ilha Blog
CENTRO DE REFERÊNCIA HISTÓRICA DA ILHA DO GOVERNADOR

HISTÓRIA - CURIOSIDADES - FATOS


01/01/1502 - Descoberta da Ilha do Govermador pelos portugueses D. Nuno Maciel e André Gonçalves.
A Ilha era habitada por índios da tribo Pomiminós, cujo cacique era Maracajá-Guaçú (gato grande), a cuja tribo a ilha lhe pertencia.
A ilha teve outros nomes: Paranapuã (ilha do mar), denominação dada pelos índios; Belle Isle, assim a denominaram os franceses de ilha dos Sete Engenhos, por ter havido aqui, em certa época, sete engenhos de açúcar.

1554 - Os índios Tamoios, aliados aos franceses, expulsaram os Pomiminós da ilha, que se refugiaram na capitania do Espírito Santo.

11/11/1555 - Nicolau Durand de Villegagnon, desembarcou a Baía de Guanabara.
André Thevet, escritor e cronista francês, foi o autor cartográfico, no qual a Baía de Guanabara aparece com seu nome de origem indígena, até hoje conservado (mapas da Ilha do Governador e Paquetá)

1555 a 1567 - Ocupação francesa da Baía de Guanabara, com contatos freqüentes com os indígenas desta ilha.
Pretendiam criar no Brasil a França Antártica, com o apoio do Rei da França Henrique II.

01/03/1565 - Fundação da Cidade do Rio de Janeiro.

20/01/1567 - A esquadra de Mem de Sá, sob o comando de Cristóvão Colombo, bombardeou e destruiu as aldeias dos Tamoios. Durou três dias a luta. De um lado, por portugueses e Temiminós, que tinham voltado do Espírito Santo, sob o comando do cacique Araribóia; de outro lado, os Tamoios e franceses. Ao final, os últimos foram expulsos da ilha, definitivamente.
Mem de Sá dividiu a ilha em 2 sesmarias , doando uma ao seu sobrinho Salvador Correa de Sá, que foi o segundo governador da cidade e outra a Rui Gonçalves, almoxarife geral.

04/03/1568 - Mem de Sá nomeou seu sobrinho Salvador Correa de Sá, governador do Rio de Janeiro. Salvador governou o Rio de Janeiro em dois períodos: 1568 a 1571 e 1577 a 1598.

1570 - A ilha passou a denominar-se oficialmente Ilha do Governador.

13/02/1576 - Confirmação feita pelo rei de Portugal, Dom Sebastião, a doação de parte da Ilha do Governador a Salvador Correa de Sá.

04/05/1695 - Escritura de doação aos beneditinos por ordem do capitão Manuel Franco Fernandes. Ra a maior das fazendas. Abrangia Tubiacanga, Itacolomi, Flecheiras, Galeão e São Bento.

1710 - É criada a paróquia da Ilha do Governador, na Freguesia, de Nossa Senhora D´Ajuda.

21/06/1786 - Escritura de doação da capela de Nossa Senhora da Conceição feita pelo capitão André Álvares Figueira de Barbosa Ribeiro Cirne, para o patrimônio da capela.

1813 - É construído o palacete real que os padres beneditinos oferecem a D. João VI.

1816 - A capela de Nossa Senhora da Conceição, no Jardim Guanabara, foi reformada. Ignora-se a data precisa em que foi construída.

1821 - A população da ilha era de 1695 habitantes.

26/06/1834 - Instalada a primeira escola-masculina, pelo decreto n° 5, que fixou, também, o ordenado do professor em 350$000 anuais.

1849 - A população da ilha era de 3457 habitantes.

1856 - A população da ilha era de 2910 habitantes.

1860 - Iniciou-se uma importante atividade econômica, no hoje jardim Guanabara: a fabricação de tijolos e telhas.

1870 - A população da ilha era de 2594 habitantes, com expressiva representação de escravos (lembre-se da produção de cal).

1870 - Início da navegação a vapor, para a Ilha do Governador.

09/08/1871 - A igreja matriz Nossa Senhora D´Ajuda foi vítima de incêndio.

27/10/1871 - Por escritura o governo imperial comprou a fazenda Sebastião e, em 18/08 instalou a Cia. de Aprendizes Marinheiros e posteriormente a Estação Rádio da marinha.

1871 - É lançada a Pedra Fundamental da nova Igreja de Nossa Senhora D´Ajuda (a antiga foi destruída por violento incêndio).

1872 - A população da Ilha era de 1782 habitantes.

1875 - A população da Ilha era de 2856 habitantes, sendo 2553 livres e 603 escravos.

1875 - O asilo dos Inválidos da Marinha é transformado em Escola de Aprendizes de Marinheiros.

1874 a 1876 - Os transportes marítimos são operados pela Cia. de Bondes Marítimos.

1879 - A população da ilha era de 2856 habitantes.

1879 - A Cia. Ferry inaugura uma carreira de lanchas para a ilha, em dias de festas religiosas e domingos.

1884 - A população da Ilha era de 3694 habitantes, sendo 3312 livres e 382 escravos.

1886 - É instalada uma estação de observação meteorológica em santa Cruz, pelo Barão de Capanema.

1889 - Assume o controle dos transportes marítimos a Cia. Cantareira e Viação Fluminense.

1890 - A população da ilha era de 3991 habitantes.

18/10/1890 - Pelo decreto n° 893, declarada de utilidade pública a desapropriação dos terrenos da parte ocidental da Ilha do Governador, até os limites da fazenda de São Bento com a de Santa Cruz.

1890 a 1891 - A Cia. de lanchas e rebocadores de Antonio Guimarães Pinto e José Antonio Meira, fez uma tentativa de estabelecer os transportes marítimos para a ilha.

06/09/1893 - Revolta da Armada. A Ilha do Governador foi palco de ataques na guerra civil.

1895 - Inaugurada uma linha de lancha para a Freguesia, explorada por Camuryano e Cia.

26/09/1898 - Concorrência vencida pela Cia. Cantareira e Viação Fluminense, para navegação regular para a Ilha do Governador (Zumbi, Cocotá e Freguesia).

10/05/1899 - Cia. Cantareira e Viação Fluminense, assina contrato para realizar duas viagens diárias, de manhã e a tarde, de ida e volta, para a Freguesia.

01/03/1900 - Surge na Ilha do Governador o Jornal "O Suburbano", órgão de interesses locais.

1900 - A população da Ilha era de 5616 habitantes.

10/05/1903 - Com a inauguração da ponte da Freguesia, abre-se uma linha para o Galeão. As Cias. de Petróleo chegam em 1914.

23/01/1904 - Inaugurado o cemitério da Cacuia.

07/09/1913 - Inauguração da Igreja da Sagrada Família, no Morro do Ouro.

19/11/1919 - Fundação do Jequiá Esporte Clube.

1920 - Primeiro loteamento feito na ilha, pela Cia. Imobiliária Santa Cruz, foi no Jardim Guanabara. Sucessora na área e na marca da fábrica de produtos cerâmicos.

1920 - A população da ilha era de 8785 habitantes.

1922 - Inaugurada a ponte de atracação das barcas da Ribeira. Contrato firmado entre a Cia. de Melhoramentos e a Prefeitura.

1922 - A Cia. de Melhoramentos da Ilha do Governador põe a circular o bonde elétrico, entre a Ribeira e o Cocotá. A extensão viria depois.

10/08/1923 - Data da construção da Base Aérea do Galeão.

30/09/1928 - Inaugurada a ponte do Jardim Guanabara, com a presença do presidente Washington Luiz. A ponte foi destruída pela barca Mocanguê, ao fazer uma atracação.

1931 - Feita a primeira linha de ônibus, ligando a Ribeira ao Galeão.

1933 - Foi instalada a Cia. Telefônica Brasileira CTB, no Cocotá.

1935 - Prolongada a linha de bondes do Cocotá ao Bananal.

1940 - A população da ilha era de 22935 habitantes.

22/05/1941 - Com a criação do Ministério da Aeronáutica, transformou-se em Base Aérea do Galeão. Nome original: Centro de Aviação Naval e posteriormente: Escola de Aviação naval.

15/07/1945 - Publicação do primeiro número do jornal "AMIG". Data oficial da fundação do jornal 05/05/1946.

1947/1951 - Existiu o mercado Regional, primeiro do gênero, no Cocotá, levando o nome de Nossa Senhora D´Ajuda.

29/06/1948 - O Almirante Sylvio de Noronha criou a Comissão de Planejamento do campo da Ilha do Governador. Nesse mesmo dia, baixou as instruções para o funcionamento dessa comissão.

03/11/1948 - Foi lavrada na Estação Central Rádio Telegráfica da Marinha, a Ata da entrega ao Corpo de Fuzileiros Navais, dos terrenos do Bananal, que constituem o atual Campo da Ilha do Governador.

1948 - Inaugurado com o nome de Hospital Dispensário Paulino Werneck. Em 15/10/1951 recebeu a denominação de Hospital Paulino Werneck. Em 1975 recebeu a denominação de atual de Hospital Municipal Paulino Werneck.

31/01/1949 - Inaugurada a ponte ligando a Ilha do Governador ao continente.

17/06/1950 - Inaugurado pelo prefeito do Distrito Federal o Colégio Estadual Prefeito Mendes de Moraes.

27/12/1950 - Fundação do Iate Clube Guanabara.

28/12/1950 - Inauguração do Corpo de Fuzileiros navais.

1950 - A população da ilha era de 29278 habitantes.

09/07/1951 - Instalação do Corpo de Bombeiros, na Ilha do Governador.

01/02/1952 - Início das operações do Aeroporto do Galeão.

07/03/1953 - Inauguração da Escola de Samba União da Ilha do Governador.

1954 a 1962 - Derrubado o palacete qur ficava na lateral da Igreja Nossa Senhora da Conceição.

27/10/1957 - Inauguração da Igreja de São José Operário.

31/05/1959 - Inauguração do Hospital Nossa Senhora do Loreto.

01/06/1959 - Instalação da Cia. Telefônica da Guanabara.

1960 - A população da Ilha era de 68643 habitantes.

31/01/1961 - Instalado o posto do Instituto Félix Pacheco, na Ilha do Governador.

07/05/1961 - Inauguração da nova sede do Jornal "AMIG", com a presença do governador Carlos Lacerda.

1961 - A Cia. Imobiliária Santa Cruz criou o Jóquei Clube Guanabara, uma construção de linhas arrojadas. Mais tarde passado as mãos da Associação Atlética Portuguesa, devido à sua enviabilização.

08/05/1962 - Por decreto municipal, criada a XX RA., com sede na Ilha do Governador. Com jurisdição sobre várias ilhas, cerca de 25, e ilhotas ao seu redor.

1964 - Ano melancólico para a aposentadoria dos bondes da Ilha do Governador.

15/12/1964 - Instalação do Rotary Rio de Janeiro - Ilha do Governador.

28/06/1965 - Instalação do Lion´s Club, na Ilha do Governador.

22/12/1967 - Inaugurada a biblioteca da Ilha do Governador com o nome de Biblioteca Regional da Ilha do Governador.

06/08/1968 - Início do Aterro, do hoje, Parque Parque Manuel Bandeira. Administrador regional: João de Deus Torres Soares.

1970 - A população da Ilha era de 106758 habitantes.

08/12/1973 - Inauguração da Associação Cristâ de Moços do Rio de Janeiro - Unidade Ilha do Governador (ACM-Ilha).

17/06/1975 - Inauguração oficial do Centro Ocupacional Rotary Club. Hoje Escola Especial Rotary Club.

04/09/1976 - Fundado o Jornal "Ilha Notícias".

09/11/1976 - Inauguração da linha Ribeira - Praça XV, de aerobarcos, pela empresa Aerobarcos do Brasil Transportes Marítimos e Turismo S.A Transtur.

1976 - A população da Ilha do Governador era de 140000 habitantes.

20/01/1977 - Inauguração do Aeroporto Internacional do Galeão. Primeira seção. Antigo Galeão, hoje de carga. Foi inaugurado em 1952.

31/05/1978 - Inaugurado o viaduto dos Maracajás, que dá acesso ao aeroporto.

30/01/1980 - Instalação do Rotary Club Rio de Janeiro - Galeão.

1980 - A população da Ilha era de 171316 habitantes.

31/01/1983 - Entregue ao Poder Judiciário, o Fórum Regional da Ilha do Governador, construído pelo Rotary Club Rio de Janeiro - Ilha do Governador.

29/12/1989 - Fusão Cetel - Telerj. A Cetel criada para operar nas áreas da CTB, em 1962, teve a sua primeira estação na Estrada da Cacuia.

20/06/1991 - Instalado o Rotary Club Rio de Janeiro - Guanabara.

02/12/1991 - pela Lei n° 1833, a Câmara Municipal decreta: Art. 1°: fica instituído o dia 05 de Setembro como o Dia da Ilha do Governador.

1991 - A população da Ilha do Governador era de 196996 habitantes.

28/04/1992 - Inauguração do Ilha Plaza Shopping.

28/12/1995 - Inauguração do Centro de Instrução do Corpo de Fuzileiros Navais, destinado a especializar oficiais e formar graduados.

07/11/1996 - Inauguração do novo prédio criado para instalação da antiga biblioteca.

12/07/1999 - Firmado convênio entre a Secretaria Municipal de Cultura, com o Rio Voluntário, ONG, que desenvolverá o Centro de referência histórica da Ilha do Governador.

25/01/2000 - Vazamento dos tubos que passam da Ilha do Governador para a REDUQUE.

CopyRight © 1997-2003 ILHA.COM.BR
Todos os direitos reservados.

Login:
Senha:


> Entrar

  • Me cadastrar!
  • Por que cadastrar?
  • Problemas?

  •  

    A Internet em banda larga ainda não é uma realidade em toda extensão da Ilha não chegando em todas as casas e escritórios. Quant

  • Penso em ter, mas é muito caro
  • Gostaria de adquirir este serviço
  • Já tenho Internet em banda larga
  • Não preciso deste tipo de serviço
  • Não conheço a respeito


  •           [Resultados]



    Warning: Unknown: write failed: Disk quota exceeded (122) in Unknown on line 0

    Warning: Unknown: Failed to write session data (files). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (/tmp) in Unknown on line 0